18 :: FAZER UMA EXCURSÃO PRO SAARA…

por 1000 coisas para fazer antes de morrer

…AS CEGAS

Foi em uma viagem ao Marrocos…

Não sei quanto tempo fazia que não entrava num esquema de excursão. As vezes é necessário, como neste caso, mas admito que não gosto muito, acaba toda a autonomia. Mas a gente não teve peito de ir de carro até Merzouga (a cidade base) e depois tocar pro Saara. Não sem falar árabe nem francês…

Chegamos cedo, todo mundo com cara de sono na porta da “operadora de turismo” que iria nos levar ao deserto. Esperamos. Informação zero.
Daí um cara grita: “Three days, two nights!”. Opa, deve ser com a gente! Jogamos a mochila numa van quase branquinha, quase nova e quase com ar-condicinado.

Entramos. Ninguém se apresentou, nem o motorista. E a viagem começou ali, sem nenhuma palavra.
Depois de horas sacamos que o motorista era motorista e guia, sendo que a segunda ocupação ele não exerceu em nenhum momento. O infeliz só ia parando e mandando a gente descer quando ele queria.
Com jeito e aos poucos fomos conhecendo o grupo, que não podemos chamar exatamente de animado.

Éramos nós, um casal catalão que depois ficou simpático, outro casal japonês também simpático, um outro de Cingapura (podemos chamar de Cingapurenses, Cingapurianos? Esquisitos, pronto! Pelo menos o homem era), um menino brasileiro (médico recém-formado que estava com infecção intestinal e mau humor), uma japonesa com o cabelo pintado de loiro milho, uma coreana super-hiper-mega-vaidosa-pati com a digital que no clic soltava um latido (?!) e um israelense tipão com cara de professor-inteligente de universidade.
Vamos descomplicar como os marroquinos: chamar as pessoas pelo nome do seu país.

Achei muito azar estar numa excursão cheia de orientais de cabelos lisos sabendo que iríamos dormir e acordar no deserto sem água para baixar minha juba. Mas estas coisas a gente não escolhe. Ou escolhe?

Uns 40 minutos de perifa, uns povoados e logo a gente entra nas montanhas Atlas.

Ninguém disse nada mas eu sabia, a gente estava lá! Que Deus nos guarde das curvas e precipícios, dos guard-rails recém destruídos por algum acidente e das ultrapassagens muito loucas do motorista-guia. Mas ele bem que parecia que sabia o que estava fazendo e a estrada era boa de verdade, mas as curvas eram tantas que tinha hora que quase dava pra ver o nosso próprio rabo pela janela. E um hit marroquino rolava na vitrola…(vitrola não mas era toca fitas!)

A buzina da van era um capítulo a parte, era uma musiquinha parecida com aquelas de amolador de faca, e soava a cada ultrapassagem, fosse ela sobre um carro, bicicleta ou pedestre (engraçado, todo mundo faz isso lá).

E a gente começava a se sentir como naquele filme…como era mesmo o nome? Ah, Babel!

Deve ser isso que as revistas de viagem dizem quando escrevem “visão de perder o fôlego”.

Mas a van quase não parava pra apreciar nada😦
A gente não sabia, mas tinha um programa apertado atravessando as cidades desérticas Saarianas. Detalhe: sem guia, sem informação, sem falar o idioma, sem quase nada. Apenas a vontade de viver e fazer 1000 COISAS ANTES DE MORRER, torcendo pra não ser exatamente ali…

4 Comentários to “18 :: FAZER UMA EXCURSÃO PRO SAARA…”

  1. Legal ler esta história da viagem para o deserto, até parece que era sobre a viagem que eu fiz, que também foi em maio de 2010. S’o que o nosso motorista/guia era um marroquino super falante e engraçado, que antes de começar a viagem, já deixou todo mundo descontraído e à vontade.

    Parabéns pelo blog. Muito bonito e agradável!

  2. Cade a areia branquinha?? hahahaha
    Adorei a musica! Voce sabe que amo musica, arabe, marroquina, pakistanesa, indiana e ai vai… Queria ver fotos. Adoro quando voce coloca fotos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: