Posts tagged ‘dieta’

28/05/2010

25 :: DAR UM SENTIDO PORNOGRÁFICO…

por 1000 coisas para fazer antes de morrer

…A UMA SOBREMESA COMIDA A DOIS

A falta de compromissos das férias tem um efeito afrodisíaco, não tem?
Até dividir uma sobremesa, as colheradas, pode dar asas à imaginação.

Foi bom pra você?

Esta foi uma torta típica, um tipo de pavê do qual nunca vou me lembrar o nome, da região de Almeria (sul da Espanha).
Foi num restaurante em San Jose chamado Casa Miguel, onde comemos por falta de opção – a gente queria mesmo ir num boteco de pescador ao lado – mas a comida tinha acabado (sim perdemos a hora do tardio almoço Espanhol, isso que é desencanação).
Não nos demos mal mas algo me diz que o outro restaurantezinho teria sido mais inesquecível…

Mas não foi mal o belo prato de peixes e frutos do mar que traçamos, famintos.

E tivemos uma ajudinha muito, muito simpática!

Anúncios
05/05/2010

17 :: CRIAR UMA VERSÃO LIGHT…

por 1000 coisas para fazer antes de morrer

…PRA UMA COISA TRASH E (AINDA) ACHAR GOSTOSO

Estou escrevendo demais sobre comida, esquisito.
Mas é com imenso orgulho que apresento um prato que meus sobrinhos gostam, o McTia (será que serei processada?)

É simples assim:

Hamburguer feito em casa – que não é a coisa mais difícil de se fazer, tem mil receitas por aí.
No meu vai carne moída bem magrinha (mais ou menos um quilo) um ovo cru e temperos diversos (mais ou menos isso: cebola, salsinha, cheiro verde, sal a gosto e um tiquinho de pimenta do reino).
Misturo bem, faço bolinhas, dou uma amassadinha e está pronto pra ir pro forno ou grelha.
Tem uma versão, que dizem ser a original, que é temperada só com sal. Vou experimentar um dia desses.

Batata frita em casa não existe mais (comemos sim, mas fora de casa e de vez em quando). Estas são de forno, com um fio de azeite. Fica muito bom.

Salada tem sempre, pra tudo.
Estou bolando uma horta de parede, com vasinhos. Minhas rúculas não sobrevivem aos cachorros, que adoram rúculas fresquinhas do pé.
Aqui em casa até os cachorros são abusados!

27/04/2010

12 :: NÃO ESTRAGAR O ALMOÇO LIGHT…

por 1000 coisas para fazer antes de morrer

…FAZENDO UMA DELICIOSA SOBREMESA MAIS LIGHT AINDA

Depois daquele almoço gostoso e light eu não seria sacana bagunçando o coreto na sobremesa!
Então inventei esta rapidinho.

Sabia que depois de assadas a maçã e a banana soltam um nectar muito saboroso, doce de tudo, e sem um pingo de açúcar? É colocar cravo e canela e temos uma sobremesa aí!

Olhas os ramequins que comprei por 3 reais cada. Eles quase abraçam as maçãs assadas e cheirosas…

Para incrementar é só colocar claras em neve, feita com açúcar diet (fica um gostinho sim, não vou mentir), mandar pro forno dourar e colocar uma cereja em calda, como recompensa.

Ficou lindo, mas achamos meio difícil de comer com maçã inteira. Da próxima vez vou tirar as sementes e picar as maçãs.

É isso.

ps. o jogo americano ganhei de uma amiga, é feito de sementes (de buriti, se não me engano) coisa sustentável, a-do-gggo!
O prato é de uma loja de Jundiaí que fechou (pena, não comprei o jogo todo e agora não acho mais), tenho verdes e laranjas.
E as fotos são by WPC, lógico, lindas.

25/04/2010

11 :: EM VEZ DE VIAGEM, UM MEGA ALMOÇO…

por 1000 coisas para fazer antes de morrer

…COM MICRO TEMPO E CALORIAS

Ai, não deu pra viajar pra Toscana no feriadinho? Ui, isso é pra poucos mesmo, pouquíssimos. Mas dá pra se inspirar num livro, filme, outdoor ou comercial de margarina e ter um almoço bem feliz em casa mesmo, e de dieta!

É disso que estou falando ó:

Almoço em dia de sol, na varanda, minha versão de Sob o sol da Toscana.

Uma mesa bem colocada, no capricho, com tudo de bom que a gente tem guardadinho na gaveta.

Saladinha fácil, fácil. Folhas verdes (compradas lavadas, importantes para ser bem rápido), mussarela de búfala, azeitonas pretas e tomatinhos daqueles que parecem azeitoninhas vermelhas. Azeite extra virgem, primeira prensagem a frio com acidez de no máximo 0.5%.

Omega 3 no prato. Salmão (receitinha da minha amiga Fabi) assado no forno com suco de laranja, mostarda, shoyo, uma pitadinha de sal e alecrim. Tudo no olho, fácil. Só não pode deixar ressecar. Quem não resiste a um carboidrato pode atacar numa batatinha assada no forno regada com azeite e sal ou um pãozinho especial. Eu comi os dois :d, um pecadinho vai bem as vezes.

Shimeji. Mais fácil que tirar doce de criança. Lava, enrola no alumínio com um pouco de shoyo, manda pro forno, fica de olho e come. A hora que abre o pacotinho sobe um aroma…

É isso. Buon appetito!